Adrían pode estar de saída

Verdadeiramente, Adrián López nunca se conseguiu impor de dragão ao peito. O póquer apontado ao modesto Vila Real não apaga o período cinzento que sempre teve quando envergou a camisola dos azuis e brancos.

A pressão a que sempre esteve sujeito pelo preço que custou foi sempre um grande óbice à forma como se exibia dentro das quatro linhas.

Foi emprestado pelos dragões duas vezes ao Vilarreal e na última época ao Corunha, mas em junho será um jogador livre para ingressar um novo projeto, talvez em Espanha.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.